quinta-feira, junho 29, 2017
Home > Dicas E-commerce Girl > A relação esta ruím? DEMITA SEU CLIENTE! Sim… você pode!

A relação esta ruím? DEMITA SEU CLIENTE! Sim… você pode!

Hoje foi um daqueles dias.

E tudo acabou com uma ofensa direta e sem meias palavras vinda de um cliente.

Bom, vamos definir cliente:

Um cliente é todo aquele deposita em nós suas expectativas. Ou seja: temos clientes em casa, entre os colegas de trabalho, entre os amigos. Onde houver uma expectativa criada em relação a nós, aí teremos um cliente. Um cliente é uma relação que dura pela confiança e pelo encantamento e respeito e o encantamento acaba diante do primeiro NÃO!

Acabar o encantamento é tão certo quanto o dia depois de  amanhã, mas o respeito esse não pode acabar; é condição inegociável de relacionamento entre seres humanos! relacionamentos pessoais e profissionais.

Foi aí que Celia Berardi de Spangher da Maxim Consultores, me deu um puxão de orelha do tipo : “Engole o choro!!! e demita esse cliente” . Precisamos de clientes, é com eles e por eles que fazemos de nossos negócios 80% do nosso dia. Mas quando o relacionamento chega ao ponto do desrespeito – DEMITA O CLIENTE!

Foi aí que pesquisando encontrei o excelente texto da  Natalie Sisson no blog Young Entrepreneur <Clique aqui para ler>

Ela cita que mais importante do que atrair clientes é atrair os clientes certos ! para saber atrair os certos é preciso saber identificar os errados , e isso TODOS NÓS SABEMOS:

Perfil do cliente errado:

  • Ficam sempre te pressionando a baixar preços
  • Mencionam a oferta de seus concorrentes e ameaçam levar o trabalho para eles
  • Fazem pedidos em quantidades absurdas, mesmo sabendo que você não pode entregar
  • Não permitem que você seja responsável por tomar decisões importantes nos projetos ou te responsabilizam até pelo  atraso do cliente do cliente dele!!!!
  • Não respondem suas mensagens, e-mails ou telefonemas. Mesmo assim, esperam que o trabalho seja feito rápido e a tempo.
  • E invariavelmente dizem: – Eu quero você aqui agora!!!  ( esta rindo né?…rs )

É ….eu conheço bem esse perfil.

Dica: Descreva tudo como se todos tivessem 10 anos!

Descrever as relações de parceria entre cliente e empresa é algo trabalhoso e por vezes pode parecer redundante e imaturo, mas acredite dizer a mesma coisa 10 vezes e de formas diferentes pode te livrar de ouvir o que eu tive que ouvir hoje ( e que vai martelar minha cabeça por algumas semanas ).

Todos nós somos clientes em algum momento! e me recordo de ter a mesma atitude deselegante que meu cliente em alguns momentos. Vou me policiar ! prometo.

O que posso dizer que é : (…) A gente sempre aprende alguma coisa com situações azedas.

  • Eu aprendi que: descrever para um adulto uma serviço ou produto como se ele fosse uma criança não é ofensa e sim cuidado para não ouvir um “Mas vc disse que funcionava…”, você falou que sim, vc falou que conhecia, você falou… eu entendi… você disse…
  • Indicar produtos e/ou serviços de terceiros para cliente imaturos é como se fosse uma sentença de castigo – porque você será responsavel eterno por um serviço que nao é você que presta, que você não tem administração nem tão pouco gerencia.
  • Se um cliente imaturo pede uma opinião. Não dê! peça que ele pesquise, diga que vai ser  ser otimo para ele se “enturmar” com o linguajar da área ( e vai mesmo )…
  • Cliente não é amigo ( infelizmente )…

A relação cliente fornecedor tem que ser no minimo educada e cordial , já passou dessa fase? então não se desespere! DEMITA O SEU CLIENTE!

Ele precisa e alguem que o atenda – e você esta longe das expectativas dele e uma vez que o respeito pulou a janela… não volta mais!

Você perde mais tempo explicando o que ele quer saber do que fazendo o que tinha que fazer?  pense bem, se todo esse tempo fosse usado para terminar aquele projeto que já esta até com lacinho para presentear e surpreender seu outro cliente….

Você fica pensando no faturamento? … e dispensar cliente é contra as regras comerciais que aprendeu na faculdade?? pense bem, esse cliente suga suas energias , você já trabalhou o dobro de tempo esperado para ele, ainda nao entregou o que precisava…Acredite Demiti-lo vai ser melhor para ele e para você. Você terá tempo para desenvolver o que de fato interessa, trabalhará mais fluidamente, produzirá mais, mais rapido, mais feliz.

Ele, por sua vez, terá a chance de identificar uma empresa que possa atender seus anseios, desejos e inquietudes.

É bom para todos.

Isso é um relacionamento comercial e pode ser que os DNA´s não combinem! Se até casamento ( que diziam era pra vida toda ) a gente termina assinando um papel, porque não demitir um cliente que o “vaso já quebrou”?

Demita seu cliente sem culpa!

  • é saudavel para os negocios
  • é bom para você
  • é bom para o cliente
  • é bom para seu figado

Demita o seu cliente e Seja Feliz! e Sem culpa!

Compartilhe:
E-commerce Girl
Solange Oliveira é especialista em e-commerce, tem 20 anos de experiência em T.I. e já operou os maiores e melhores e-commerces da America Latina. E-commerce Girl como é conhecida no twitter e Facebook, participa de palestras e cursos no Brasil e Europa. É apaixonada por tecnologia e louca por e-commerce. Sócia da e-Vision Consulting , e-Vision Vagas Encontre Solange em (11) 2424-9635 ou no Skype : solange_evision
http://ecommercegirl.com

4 thoughts on “A relação esta ruím? DEMITA SEU CLIENTE! Sim… você pode!

  1. Parabéns pelo seu trabalho e-commerce girl.

    Parace uma solução simples, mas sabemos que um cliente as vezes é áspero e duro , porquê já foi maltradado por outras empresas e age na defensiva talvez com receio de ser prejudicado novamente, demitir um cliente não é simples assim, pois o cliente é o verdadeiro patrão, ele é quem manda , para ele que trabalhamos, é dele nosso sustento, admito que as vezes temos que suportar uma reclamação absurda, mas faz parte do trabalho.
    Devemos aprender que o cliente que reclama é o cliente que gosta da empresa e quer melhorias, o pior é o cliente que nada fala e troca a nossa empresa por outra, aí sim nós é que somos demitidos do mercado.

    Grande abraço!

  2. Querida Solange, é isso ai! a posição de cliente não dá a ninguém o direito de te ofender, em hipótese alguma. Discordar, divergir, debater, discutir tá ótimo, DESRESPEITAR NÃO. Esse negócio que cliente é patrão tem limites – a Era é da Colaboração – e o cliente tem sempre razão é uma máxima que se aplica quando há respeito entre as partes. Demita mesmo, sem dó nem piedade – se você acredita no seu trabalho, com ética, integridade, honestidade e transparência, certamente surgirão outros, e que venham aos montes!! Abraço, Celia

  3. Acho que na prestação de serviço é uma de relação de ajuda, na qual o respeito é fundamental para que gere o bons resultados.
    Dessa forma quando há um motivo que impossibilite uma relação transparente e respeitosa, tomar a decisão de demitir o cliente talvez seja possível. Acho inclusive que essa decisão pode dar a ambos a oportunidade refazer o contrato psicológico em outros moldes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.